Saber Planos

Covid-19: Cear√°, Santa Catarina e Rio prorrogam medidas restritivas

Os governos do Ceará, Santa Catarina e Rio de Janeiro prorrogaram medidas de distanciamento para frear a circulação do novo coronavírus e desafogar o...

Por Redação Chapecó Mais em 05/04/2021 às 19:49:26

Os governos do Cear√°, Santa Catarina e Rio de Janeiro prorrogaram medidas de distanciamento para frear a circula√ß√£o do novo coronav√≠rus e desafogar o sistema de sa√ļde. As medidas restritivas foram estendidas com sinaliza√ß√£o de retomada gradual nas próximas semanas.

No Cear√°, o governador Camilo Santana e o prefeito de Fortaleza, José Sarto, anunciaram ontem a renova√ß√£o do decreto que instituiu o "isolamento social r√≠gido" no dia 13 de mar√ßo por mais uma semana. A volta gradual das atividades n√£o essenciais foi definida para ter in√≠cio no dia 12 de abril.

O decreto permite o funcionamento de determinados servi√ßos, como supermercados, servi√ßos de sa√ļde, lanchonetes e restaurantes no sistema de entrega, distribuidora de √°gua e g√°s, ind√ļstria, constru√ß√£o civil, imprensa, call center, empresas de log√≠stica, oficinas automotivas, postos de combust√≠veis, lojas de material de constru√ß√£o, bancos, Correios e prestadoras de m√£o de obra terceirizada.

Para esses estabelecimentos foram definidas medidas obrigatórias, como a disponibiliza√ß√£o de √°lcool em gel 70%, uso de m√°scara obrigatório, entrada de apenas uma pessoa por fam√≠lia e atendimento priorit√°rio para pessoas de grupos de risco da covid-19.

De acordo com o informe epidemiológico mais recente do estado, de 1¬ļ de abril, nas 24 horas anteriores foram confirmados 445 novos casos da doen√ßa e nove óbitos. O governador afirmou que o isolamento tem contribu√≠do para barrar a dissemina√ß√£o do v√≠rus no estado.

"Os dados mostram que esse isolamento social r√≠gido tem trazido resultados importantes. Temos diminu√≠do o n√ļmero de casos em todo o estado do Cear√° e em Fortaleza, que come√ßou com os dados mais fortes da pandemia. Temos diminu√≠do a transmiss√£o, ou seja, um fator de reprodu√ß√£o calculado que chamamos de RT tem ca√≠do em Fortaleza, na regi√£o metropolitana, e no Cear√° como um todo."

Santa Catarina

O governo catarinense também manteve as medidas de distanciamento visando combater a circula√ß√£o do v√≠rus, em novo decreto editado pela governadora em exerc√≠cio Daniela Reinehr. Assim como no caso do Cear√°, as regras ficam v√°lidas até a próxima segunda-feira, 12 de abril.

Entre as normas, fica proibido o funcionamento de casas noturnas e de shows, eventos sociais, reuni√Ķes de qualquer tipo, competi√ß√Ķes esportivas e perman√™ncia em praias e parques. Nestes espa√ßos, é permitida apenas a pr√°tica de exerc√≠cio individualmente.

O transporte p√ļblico coletivo deve funcionar com 50% da capacidade. Os comércios podem funcionar, mas em hor√°rios escalonados e com limite de 25% da capacidade. Os estabelecimentos que n√£o forem atividades essenciais podem ficar abertos entre 10h 20h. H√° ainda outros servi√ßos n√£o essenciais que podem abrir as portas das 9h às 19h.

Shoppings, galerias, restaurantes, lanchonetes e bares podem ficar abertos das 10h às 22h. No caso de estabelecimentos que vendem comidas e bebidas, os clientes só podem entrar até as 21h.

No decreto, o governo estabeleceu a proibi√ß√£o de venda de bebidas alcoólicas no estado, das 22h às 6h, em todas as regi√Ķes, independentemente do tipo de risco no qual foram enquadradas. Anteriormente, a proibi√ß√£o tinha in√≠cio às 18 horas.

"Temos medidas de distanciamento que precisam permanecer. Agora, vamos nos debru√ßar sobre todos os decretos, ouvir o Coes [Centro de Opera√ß√£o de Emerg√™ncia em Sa√ļde] e discutir novas possibilidades de combate à pandemia com os prefeitos e secret√°rios de Sa√ļde", explica a secret√°ria de Sa√ļde, Carmen Zanotto.

Rio de Janeiro

Decreto publicado no s√°bado (3) à noite estabeleceu novas medidas restritivas para conter a pandemia da covid-19 no estado do Rio de Janeiro, com regras espec√≠ficas para o funcionamento de bares, restaurantes, comércio, academias e templos religiosos.

Permanece suspenso o funcionamento de casas de shows e festas, parques de diversão e boates, bem como a realização de eventos.

Continuam autorizadas as pr√°ticas de esportes individuais ao ar livre e as atividades esportivas de alto rendimento, mas sem p√ļblico e respeitando os protocolos sanit√°rios. Bares, restaurantes e lanchonetes dever√£o funcionar com até 40% da capacidade de lota√ß√£o. O consumo de bebidas alcoólicas é autorizado apenas para clientes sentados, respeitando o distanciamento m√≠nimo de 1,5 metro e com a capacidade m√°xima de quatro pessoas por mesa.

Shopping centers e centros comerciais podem manter o funcionamento, seguindo normas municipais autorizativas e respeitando o limite de 40% de sua capacidade total. A mesma regra vale para o estacionamento nesses locais. Os clientes devem estar com m√°scara, mantendo o distanciamento. O comércio de rua e as galerias também poder√£o funcionar. O mesmo ocorre com sal√Ķes de beleza, barbearias e estabelecimentos similares, mas obedecendo agendamento prévio e seguindo os protocolos espec√≠ficos para esse tipo de negócio. Os ambulantes legalizados também poder√£o trabalhar, determina o decreto.

Fonte:Agencia Brasil Foto: pixabay

Fonte: Agência Brasil

Comunicar erro
Aurora 52 anos

Coment√°rios

nespolo 3
Mahh - Marcela
MVA